Home / Destaques / Alexandre Aleluia: ‘em 2003, 2004 e 2005, a oposição perdeu muito tempo com o discurso de achar que Lula ou o PT não é mais de esquerda’

Alexandre Aleluia: ‘em 2003, 2004 e 2005, a oposição perdeu muito tempo com o discurso de achar que Lula ou o PT não é mais de esquerda’

Crédito: Mathias Jaimes/TV Servidor

Ao analisar o cenário político nos anos de 2003, 2004 e 2005 no período do governo do presidente Lula à época, Alexandre Aleluia disse no sábado (15), no Programa ‘Direto ao Ponto’, na Rádio Popular FM (100,7), que vai ao ar todos os sábados, das 9h às 10h, que a oposição perdeu muito tempo com o discurso de achar que Lula ou o PT não é mais de esquerda.

“O PT não é de esquerda, porque fez a barba, colocou um terno Armani. Uma coisa deve ser entendida. Quando eu falei na tribuna sobre comunismo, o que importa é a prática. As pessoas tem uma visão de ficaram apegadas a ideologia. O que aconteceu foi um processo revolucionário, porque sabia que não poderia fazer tudo de uma hora pra outra em 2003. Por isso, colocaram Henrique Meirelles para controlar a mídia, a Ancine, a imprensa montando os blogs, criando uma estrutura, uma cultura progressista que eles pensam e impondo novos valores a sociedade, mantendo uma política fiscal austera com inflação baixa e os liberais da época de direita achavam que estava tudo resolvido e não precisava se preocupar, enquanto isso, estavam montando o Foro de São Paulo, pegando o BNDES para fazer toda essa estrutura de bloco comunista e pronto. Essa visão binária que a gente não pode continuar tendo. A gente tem que olhar as coisas como são. A gente não pode analisar e classificar tudo com julgamento ideológico”, disse Aleluia.

Para Aleluia, a vida da população vai além de qualquer pensamento político e ideológico, mas o desejo de defender as liberdades individuais. “O povo brasileiro quer preservar as instituições, a família, quer ter ordem, quer ter segurança, quer ter suas tradições preservadas, suas liberdade, liberdade de trabalhar e ser feliz, é isso que as pessoas querem. Ninguém quer essa imposição de valores novos que estão surgindo, o que não tem nada a ver com que o brasileiro pensa”, disse Aleluia.

Rafael Santana


CONTEÚDO ALTERNATIVO CASO O VISITANTE NÃO TENHA O PLUGIN DE FLASH EM SEU COMPUTADOR (ESTE CONTEÚDO PODE APARECER TAMBÉM ENVOLVIDO POR UMA "DIV")


Sobre Rafael Santana

Rafael Bonfim Santana é jornalista com experiência em diversos sites e jornais da Bahia

Veja Tambem

Felipe Lucas defende proposta de indicação sobre uso de propaganda em uniformes dos alunos da rede municipal de ensino de Salvador

Alunos da rede municipal de ensino de Salvador podem passar a estampar logomarcas de empresas ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.