Principal / Destaques / ACM Neto retoma rotina administrativa que marca o início do segundo governo após a agitação do Carnaval, mas de olho no futuro

ACM Neto retoma rotina administrativa que marca o início do segundo governo após a agitação do Carnaval, mas de olho no futuro

Crédito: Mathias Jaimes/TV Servidor

Na última coletiva de imprensa em que apresenou o balanço do Carnaval de Salvador 2017, o prefeito reafirmou o compromisso da administração em garantir o suporte necessário para o sucesso na realização da festa e o apoio aos artistas, blocos e o resgate dos carnavais tradicionais como espaço democrático para o acesso dos foliões-pipoca durante a folia, que é considerada por Neto, como a maior festa popular do planeta.

Com diálogo e planejamento, a prefeitura conseguiu através de um modelo inovador de investimento por meio de iniciativa público-privada organizar e garantir o sucesso do maior Carnaval de todos os tempos com a presença de grandes atrações locais e nacionais conhecidas do grande público, além de disponibilizar diversas opções de serviços públicos a população de Salvador e aos turistas que visitaram a capital baiana nos dias de folia.

O planejamento fortaleceu a expectativa de que o Carnaval marcou um grande momento para Salvador neste ano. Mesmo diante da crise econômica que assola o país, particularmente, nos estados e municípios, o prefeito e toda a sua equipe não abriram mão de realizar o maior Carnaval de todos os tempos e  mostrou ao que veio ao ousar na criatividade de sua gestão mesmo com os recursos disponíveis. ACM Neto acompanhou as ações durante os dias de carnaval na cidade e aproveitou também a folia como todo bom folião sem deixar de lado o compromisso e a responsabilidade como gestor público.

Com base em um orçamento limitado e o apoio da iniciaiva privada, o prefeito conseguiu garantir o sucesso do Carnaval diante do tamanho da importância da folia para a cidade. O Carnaval é um evento de relevância para a economia e o turismo da cidade, movimentando o comércio, os hotéis, os bares e restaurantes, vários setores que se beneficiam com a maior festa popular. Pensando nisso, o prefeito ACM Neto, assim que apresentou o balanço do Carnaval deste ano, já apontou também a necessidade de planejamento do governo municipal para a folia no próximo ano.

Passado o período do Carnaval, o prefeito já retoma à rotina administrativa que marca o início do seu segundo governo a frente do Executivo e a rotina da cidade volta também à normalidade após os dias de folia.

Depois de ter vivido a agitação do carnaval durante os 10 dias de festa, a vida das pessoas já voltou ao normal. As atrações do carnaval, entre artistas e blocos, foram incentivados pela Prefeitura e desfilaram dentro de um clima de paz e tranquilidade, onde tudo ocorreu dentro da normalidade. Rasgados elogios estão sendo feitos ao prefeito ACM Neto que este ano apostou nos desfiles dos carnavais de época com mais uma edição do ‘Fuzuê’ e ‘Furdunço’ e do espaço para o folião pipoca durante a passagem dos grandes artistas locais e nacionais sem cordas para manter a tradição dos velhos carnavais. Na quarta-feira de Cinzas, os foliões curtiram a ressaca do Carnaval. À tarde, algumas repartições, casas de comércio, lotérica, agências bancárias funcionaram normalmente e com pouca movimentação. E no dia seguinte, na quinta-feira, o movimento de pessoas e de veículos na cidade foi intenso pela manhã.

Na prefeitura, o prefeito ACM Neto retoma à rotina administrativa com alguns compromissos em sua agenda, a exemplo do anúncio de projetos econômicos e urbanísticos, com foco no Centro Antigo da cidade; projetos para a Cidade Baixa; a reconstrução da Praça Cayru; recuperação do Mercado Modelo; o Museu da Música que deve ser abrigado no prédio dos azulejos portugueses azuis em frente ao Mercado, que quase deu lugar ao Hilton Hotel; a implantação do Museu da História de Salvador; os galpões da Codeba que serão transformados em espaços de entretenimento; reformas das ruas e praças no Comércio e o Corredor da Fé, que vai da Osid à Colina Sagrada, entre outros invesimentos que estão por vir. Para todos estes investimentos em Salvador, o prefeito deve contar com US$ 105 milhões do Prodetur (BID), governo federal, recursos próprios e, em alguns casos, com o setor privado, por meio de PPPs para o desenvolvimento da cidade.

Completados dois meses em seu segundo governo, o prefeito ACM Neto já retomou sua rotina administrativa. Enquanto alguns ainda se livram da ressaca do carnaval, ACM Neto já está de olho no sucesso da sua segunda gestão com vistas às eleições em 2018, apesar de Neto não querer tocar no assunto. Neto disse que vai seguir com seu mandato de prefeito no comando da gestão à frente do Executivo e que seu foco está concentrado na administração do município.

Apesar de rumores sobre uma eventual candidatura ao governo do Estado em 2018 devido ao sucesso da sua gestão na prefeitura de Salvador, ACM Neto segue com pensamento focado na administração da cidade. Enquanto o governador Rui Costa pensa na reeleição em 2018 para se manter à frente do governo do Estado, ACM Neto tem dito em diversas oportunidades que a disputa à sucessão estadual não está nos planos, mas até hoje impressionado com sua votação e sua alto índice de popularidade pelo sucesso da sua administração na cidade, Neto deve manter a disposição para ser candidato ao governo do Estado em 2018.

Rafael Santana

Sobre Rafael Santana

Rafael Bonfim Santana é jornalista com experiência em diversos sites e jornais da Bahia com foco em pautas políticas regionais

Leia também!

TV. Profissionais são vacinados no Hospital Martagão Gesteira; clipe

O segundo dia de vacinação contra o Coronavírus ocorre nesta quarta-feira (20) em 18 unidades ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *