Home / Destaques / Advogados criminalistas repudiam conduta de membros da Polícia Civil em Ilhéus

Advogados criminalistas repudiam conduta de membros da Polícia Civil em Ilhéus

A Associação dos Advogados Criminalistas da Bahia – AACB vem por meio da presente nota, repudiar a conduta dos membros da Polícia Civil, lotados na cidade de Ilhéus/BA, mais especificamente, aos policiais da Delegacia da 7ª Coordenadoria de Polícia do Interior, os quais estão contribuindo para o aumento do número de violações de prerrogativas profissionais sofridas por advogados e advogadas da área criminal, quando estão no desempenho das suas atividades profissionais.

Os relatos de desrespeito aos profissionais do Direito são constantes, por vezes, de forma violenta, arbitrária e agressiva por parte de alguns dos membros da Policia Civil e da Polícia Militar da cidade de Ilhéus/BA.

Na madrugada do dia 07/04/2018, a notícia que estarreceu toda a classe dos Advogados Criminalistas da Bahia se deu pelo fato de que um Advogado, no exercício de sua profissão, se dirigiu à Delegacia da 7ª Coordenadoria de Polícia do Interior para acompanhar uma prisão em flagrante, mas, chegando lá foi negado o acesso ao seu cliente. Diante desta negativa, o Advogado que teve suas prerrogativas violadas entrou em contato com a OAB da Região, a qual encaminhou representantes para mediar a situação, dois Advogados membros do Tribunal de Ética, um Conselheiro Seccional da OAB e o Presidente da Comissão de Prerrogativas da Subseção. Os Advogados e representantes da OAB de Ilhéus aguardaram cerca de duas horas para adentrar na delegacia, sendo que quando tiveram acesso ao cliente, o mesmo já havia prestado depoimento à Autoridade Policial, existindo agora mais uma violação a um direito do cidadão, que é ser assistido por defensor quando preso em flagrante. Segundo relatos, os advogados ainda receberam ordem de prisão por parte dos policiais, que apontaram armas para as suas cabeças e os agrediram.

Desta forma, a AACB reafirma sua imensa preocupação e apoio aos colegas que foram covardemente agredidos nas instalações da Polícia Civil de Ilhéus, ao passo em que, jamais ficará inerte diante de tais condutas abusivas e arbitrárias, pois, tem como finalidade precípua a defesa das prerrogativas dos advogados e advogadas criminalistas que honram a nobre arte do Direito Penal.


CONTEÚDO ALTERNATIVO CASO O VISITANTE NÃO TENHA O PLUGIN DE FLASH EM SEU COMPUTADOR (ESTE CONTEÚDO PODE APARECER TAMBÉM ENVOLVIDO POR UMA "DIV")


About Mathias Jaimes

Mathias Ariel Jaimes é CEO da TV Servidor / Axé Notícias. Formado em publicidade. Estou artes plásticas na Universidade Federal da Bahia. MBA em marketing e publicidade estratégica na Uninassau

Check Also

Comunistas perdem Sindicato dos Médicos: Assembleia define, por unanimidade, desfiliação do Sindimed-BA à CTB

A Assembleia Geral para votação da desfiliação Sindicato dos Médicos da Bahia à CTB – ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.