Principal / Destaques / Benito Gama: “reativamos o pleito que vai garantir inclusão da profissão de baiana de acarajé na lista de CBO”

Benito Gama: “reativamos o pleito que vai garantir inclusão da profissão de baiana de acarajé na lista de CBO”

Crédito: Assessoria do deputado federal Benito Gama (PTB-BA)

O termo de estudo técnico para viabilizar a inclusão da profissão de baiana de acarajé na lista de Classificação Brasileira de Ocupações (CBO) foi assinado na sexta-feira (16), na sede da Superintendência Regional do Trabalho no Estado da Bahia (SRTE), em Salvador-BA. O pleito foi trabalhado em ação conjunta pelo deputado federal (PTB-BA), Benito Gama, o Ministério do Trabalho, a SRTE e a secretária de Políticas para as Mulheres, Infância e Juventude de Salvador (SPMJ).

“O nosso objetivo é garantir a formalização e o reconhecimento da profissão. Hoje, com a assinatura de compromisso reativamos este pleito junto ao Ministério do Trabalho que irá viabilizar o que estava parado, agora, em curto prazo dando uma resposta positiva ao processo”, informa o deputado Benito Gama.

Já no próximo mês, dia 3 de julho, será realizada uma reunião conjunta com técnicos do MT e da Universidade de São Paulo – USP-SP, em Salvador-BA, para fazer um levantamento técnico da profissão. O anúncio foi feito pelo secretário executivo do Ministério do Trabalho, (MT), Antonio Correia durante a reunião. “O encontro ocorrerá com cerca de dez representantes baianas de acarajé que tenham mais de 5 anos de experiência profissional. Isso porque, elas vão descrever para os técnicos a atividade para que eles possam colocar no currículo delas. A partir daí começará o processo de formalização definitiva e oficial  do reconhecimento da atividade”, explica.

Para Benito Gama, o pleito não só reconhece a profissão baiana de acarajé, mas cria responsabilidades também. “As baianas vão ter seus direitos garantidos e vão poder estar inseridas, se assim quiserem, como microempreendedoras, por exemplo, mas terão outras  responsabilidades também”.

Na oportunidade, a presidente da Associação das Baianas de Acarajé, Mingau e Receptivo da Bahia (Abam), Rita Santos, em nome das demais participantes da reunião, agradeceu o empenho de todos os envolvidos no pleito. “É muito gratificante estarmos aqui hoje conquistando este reconhecimento, porque estávamos sem uma identidade e que passa a partir de hoje ser reativada neste processo de formalização da nossa profissão. A partir disso, vamos poder, inclusive, reivindicar outros direitos”, disse.

A secretária da SPMJ, Taissa Gama, afirmou que a proposta foi aceita desde o início de forma afetiva por todos e antecipou novos projetos que vão além do reconhecimento da profissão. “O nosso trabalho busca não só o reconhecimento, mas cursos de capacitação para estas mulheres, o padrão da vestimenta como manutenção da cultura e tradição e, principalmente, o cuidado com a saúde no exercício do trabalho. Tudo isso está na nossa pauta de prioridade”. A diretora da SPMJ, Rita Moinhos, participou também da reunião.

Na ocasião, o deputado Benito Gama se comprometeu também com outro pleito apresentado durante a reunião. “Precisamos qualificar as baianas de acarajé. O curso de inglês é fundamental para elas que estão atuando numa área que está ligada diretamente ao turismo. Este é mais um compromisso que assumo com vocês”, afirma o parlamentar.

“Tudo isso mostra a grandiosidade deste projeto que abrange tantas outras causas importantes. A superintendência está trabalhando também para tirar as crianças do tabuleiro combatendo o trabalho infantil. O deputado Benito Gama, a secretária da SPMJ, Taissa Gama, a diretora da SPMJ, Rita Moinhos e o secretário do MT,  Antonio Correia, todos nós, estamos firmes nesta luta”, disse a superintendente regional do Trabalho e Emprego da Bahia, Gerta Schultz Fahel.

Fonte: Site do deputado federal Benito Gama (PTB-BA)

 

Sobre Rafael Santana

Rafael Bonfim Santana é jornalista com experiência em diversos sites e jornais da Bahia com foco em pautas políticas regionais

Leia também!

Covid-19: Prefeitura inicia vacinação de pessoas com 49 anos ou mais e segue com mutirão da 2ª dose

A Prefeitura de Salvador, através da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), inicia a partir desta ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *