Principal / Destaques / Cartilha orienta os profissionais de saúde sobre preenchimento correto de dados

Cartilha orienta os profissionais de saúde sobre preenchimento correto de dados

Divulgação Secretaria Municipal de Saúde
Com o intuito de realizar a coleta precisa de dados, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) orienta a todos os profissionais da rede que preencham corretamente as informações dos pacientes atendidos nas unidades municipais. Uma cartilha foi criada para orientar profissionais e usuários sobre a importância da autodeclaração.  Através do preenchimento de dados, é possível identificar a idade, sexo e a cor/raça do usuário. O quesito raça/cor é usado nos censos demográficos do país desde 1872. No entanto, se tornou obrigatoriedade em 2017, sob a portaria n° 344/2017, onde o preenchimento deve constar em todos os instrumentos de coleta de dados.
“Considerando e aproveitando esse momento da pandemia de Covid-19, resolvemos fortalecer e criar uma cartilha para orientar os profissionais de saúde para que que realizem de forma correta e explicita o preenchimento dos dados e o quesito raça/cor do paciente”, diz a enfermeira e técnica do Campo Temático da Saúde da População Negra, Elenilda Farias.
A proposta da autodeclaração criada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), inclui cinco categorias para a identificação do pertencimento racial: preta, branca, parda, indígena ou amarela. O usuário deve ser orientado pelo profissional sobre as cinco possíveis categorias, respeitando-o diante de sua declaração.
“O profissional de saúde acaba ficando com receio de perguntar qual a raça/cor do usuário, com medo de ser interpretado de forma errada, como o estivesse discriminando. Pelo contrário, o objetivo da pergunta é incluir. Ou seja, nessa cartilha nós buscamos orientar ambas partes sobre o processo do quesito”, explica.
Além de facilitar e ajudar o indivíduo na autodeclaração, a coleta dos dados também é utilizada para identificar qual o bairro, idade, sexo ou raça são atingidos pela doença. Para ter acesso a cartilha e verificar todas as informações, o indivíduo deve acessar o site da SMS, através do link http://www.saude.salvador.ba.gov.br/codiv-19-cartilha-orientacao-para-o-preenchimento-do-quesito-racacor-para-profissionais-de-saude.

Sobre Mathias Jaimes

Mathias Ariel Jaimes ( DRT 5674 Ba ) , é CEO do site #TVServidor e sócio-proprietário da agência de comunicação interativa #TVS1 . Formado em publicidade na Argentina. Estudou artes plásticas na Universidade Federal da Bahia. MBA em marketing e comunicação estratégica na Uninassau. Aluno do professor Olavo de Carvalho, Curso Online de Filosofia, desde 2015.

Leia também!

Caso André Porciuncula. Rui Costa evade assunto e ameaça Alexandre Aleluia: “vai receber processo nas costas”

Questionado sobre a situação do Capitão da Polícia Militar, André Porciuncula, o governador petista da ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *