Home / Cultura / Casa do Rio Vermelho – Jorge Amado e Zélia Gattai tem entrada gratuita às quartas-feiras

Casa do Rio Vermelho – Jorge Amado e Zélia Gattai tem entrada gratuita às quartas-feiras

casa-do-rio-vermelho-jorge-amado-zelia-gattai-prefeitura-de-salvador-prefeito-acm-neto-vereador-leo-prates

A Casa do Rio Vermelho – Jorge Amado e Zélia Gattai agora conta entrada gratuita às quartas-feiras, ampliando as chances de quem ainda não conhece o espaço onde viveu o escritor de “Gabriela, Cravo e Canela”, “Dona Flor e Seus Dois Maridos” e “Tenda dos Milagres”. Com isso, a Casa da Rua Alagoinhas, nº 33, abre as portas da intimidade do casal àqueles que não podem pagar pela entrada, mas que desejam eternizar na memória a vida e obra de Jorge e Zélia.

De acordo com Maria João Amado, neta do casal e administradora da Casa, a decisão sobre a gratuidade às quartas-feiras foi justamente para oportunizar o acesso à cultura. “Vimos que era importante dispor de um dia para gratuidade do público em geral porque cultura é essencial para todo mundo”, observa. Antes disso, apenas grupos de estudantes de escolas públicas poderiam ter gratuidade, sob agendamento prévio.

A Casa do Rio Vermelho já recebeu 43 mil visitantes desde a requalificação promovida pela Prefeitura, quando o espaço foi transformado num memorial da vida do casal. O local fica aberto de terça a domingo, sempre das 10h às 17h, com ingressos a R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia para estudantes e idosos). Crianças até seis anos não pagam pela entrada. Grupos de estudantes de escolas públicas precisam agendar visitação pelo 3333-1919 ou pelo casadoriovermelho.com.br.


CONTEÚDO ALTERNATIVO CASO O VISITANTE NÃO TENHA O PLUGIN DE FLASH EM SEU COMPUTADOR (ESTE CONTEÚDO PODE APARECER TAMBÉM ENVOLVIDO POR UMA "DIV")


About Mathias Jaimes

Mathias Ariel Jaimes é CEO da TV Servidor / Axé Notícias. Formado em publicidade. Estou artes plásticas na Universidade Federal da Bahia. MBA em marketing e publicidade estratégica na Uninassau

Check Also

ACM Neto homenageia profissionais da saúde durante 2 de Julho: “estão na linha de frente, arriscando as suas vidas, dando o melhor de si”

Em quase dois séculos de celebração da Independência do Brasil na Bahia, os soteropolitanos viveram ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.