Home / Cultura / Edital para requalificação do Jardim Botânico é lançado pela Prefeitura

Edital para requalificação do Jardim Botânico é lançado pela Prefeitura

SECOM Prefeitura de Salvador

O Jardim Botânico de Salvador, na Avenida São Rafael, em São Marcos, será requalificado pela Prefeitura, em uma iniciativa que possibilitará a ampliação da estrutura física atual e, em especial, salvaguardar ainda mais o herbário existente. O edital de licitação para a obra foi publicado na edição de hoje do Diário Oficial do Município (DOM), e vence a empresa que oferecer o menor preço. O valor estimado da intervenção é de R$9 milhões.

A reserva, sob a responsabilidade da Secretaria de Sustentabilidade, Inovação e Resiliência (Secis), abriga cerca de 61 mil espécimes vegetais e é uma das áreas da cidade a abrigar um espaço etnobotânico voltado para proteção e cultivo às espécies utilizadas em cultos afro-brasileiros, além de vegetais ameaçados de extinção.

O projeto de requalificação, inserido no Programa de Requalificação Urbanística (Proquali) financiado pela Corporação Andina de Fomento (CAF), foi elaborado pela Fundação Mário Leal Ferreira (FMLF) e abrange área total de 160 mil m². Serão construídas edificações de caráter científico, voltadas ao estudo, manutenção e conservação da Mata Atlântica, conectados e acessados por uma trilha elevada em um percurso de 795 m de extensão pela mata.

Além da ampliação do herbário, tornando-o um centro de referência na pesquisa da Mata Atlântica com capacidade para acomodar um grande número de espécies catalogadas, o projeto de requalificação do Jardim Botânico de Salvador propõe outras intervenções, a exemplo da construção de um pavilhão de observação da natureza e viveiros.

O lugar também ganhará um edifício principal com área total construída de 2.219,45 m², dividido em dois pavimentos, um subsolo e uma cobertura aberta a visitas.

Haverá salas administrativas e um herbário completo com dois espaços, sendo um deles uma sala das coleções que poderá conter até 150 mil espécimes vegetais e outro voltado para pesquisa, manutenção, catalogação e preparo.

O Jardim Botânico ainda terá espaços expositivos digitais voltados à educação ambiental, um auditório para 50 pessoas, que será conectado com um foyer e uma área semicoberta para atividades em grupo.

Para a implantação das edificações propostas e em especial ao centro de pesquisas serão utilizados materiais leves, industrializados e pré-fabricados, o que vai agilizar o processo de construção e minimizar o impacto da ampliação do herbário.


CONTEÚDO ALTERNATIVO CASO O VISITANTE NÃO TENHA O PLUGIN DE FLASH EM SEU COMPUTADOR (ESTE CONTEÚDO PODE APARECER TAMBÉM ENVOLVIDO POR UMA "DIV")


About Mathias Jaimes

Mathias Ariel Jaimes é CEO da TV Servidor / Axé Notícias. Formado em publicidade. Estou artes plásticas na Universidade Federal da Bahia. MBA em marketing e publicidade estratégica na Uninassau

Check Also

Chefe da Casa Civil de Salvador inspeciona praias atingidas pelas manchas na manhã deste domingo (20)

Durante toda a manhã deste domingo (20), o chefe da Casa Civil da Prefeitura de ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.