fbpx
Principal / Breaking News / Em Brasília, Bruno Reis discute projeto de subsídio de R$ 5 bilhões ao transporte público com relator da proposta

Em Brasília, Bruno Reis discute projeto de subsídio de R$ 5 bilhões ao transporte público com relator da proposta

O prefeito de Salvador, Bruno Reis, se reuniu nesta quarta-feira (11) em Brasília com dirigentes da Frente Nacional de Prefeitos (FNP) e parlamentares para discutir o Projeto de Lei 4.392/21, que prevê o subsídio do governo federal para o transporte público urbano. Se aprovada pela Câmara dos Deputados, a proposta destinará R$ 5 bilhões para financiar a gratuidade oferecida a idosos no sistema.



A audiência contou com a participação do deputado federal Isnaldo Bulhões (MDB/AL), relator da matéria no Congresso Nacional. Segundo ele, “a perspectiva é chegar a um texto final que atenda às necessidades das cidades e possamos colocar em votação na próxima semana”. O encontro teve ainda a participação do presidente da FNP e prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira; o prefeito de Ribeirão Preto (SP) e secretário-geral da FNP, Duarte Nogueira; e o deputado federal baiano Mário Negromonte Jr. (PP).

Bruno, que é vice-presidente de PPPs e Concessões da FNP, contou durante a reunião sobre o trabalho que tem realizado para evitar grandes reajustes em Salvador, como a isenção do ISS e de outras taxas, além de ter aberto mão das outorgas. “O subsídio é para compensar as perdas que tivemos durante a pandemia e o aumento do preço do diesel. Duas situações que impactaram os municípios e o transporte público”, afirmou, após a reunião.



Nas últimas semanas, o prefeito de Salvador tem alertado sobre a necessidade de união entre os poderes federal, estadual e municipal a fim de driblar a crise que vive o transporte público urbano. Na segunda-feira (9), em entrevista coletiva, Bruno Reis comentou o tema.

“Tem que ser feito um esforço de todos. A Prefeitura já faz isso com as taxas e com os acordos que fizemos abrindo mão das outorgas. O governo federal está avançando para trazer o subsídio, como ocorre em todas as cidades do mundo”.

Para ele, o subsídio para o transporte público que tramita no Congresso Nacional é fundamental para manter o serviço. “Sendo aprovado, nós vamos fazer uma articulação junto ao governo federal para que o projeto possa ser sancionado. Eu não posso deixar de chamar atenção para a situação grave que está vivendo o transporte público”, salientou.

Para o presidente da FNP, Edvaldo Nogueira, prefeito de Aracaju/SE, a reunião foi positiva e a expectativa é por melhorias no texto para aprimorar o sistema de transporte público no país. “Ficamos muito animados, porque o deputado firmou um compromisso conosco de apresentar o relatório até a próxima semana para, até o final de maio e início de junho, o projeto ser votado pelo Congresso Nacional. Se aprovado, são R$5 bilhões que serão destinados aos municípios para que a gente possa melhorar o sistema de transporte coletivo do Brasil, que tem enfrentado uma grave crise e que pode piorar, com o aumento do valor do combustível”, afirmou Nogueira.

Valter Lima / Divulgação

 



 



 

 

 

 

Sobre Mathias Jaimes

Mathias Ariel Jaimes ( DRT 5674 Ba ) , é CEO do site #TVServidor e sócio-proprietário da agência de comunicação interativa #TVS1 . Formado em publicidade na Argentina. Estudou artes plásticas na Universidade Federal da Bahia. MBA em marketing e comunicação estratégica na Uninassau. Aluno do professor Olavo de Carvalho, Curso Online de Filosofia, desde 2015.

Leia também!

Novos guardas municipais participam de capacitação sobre Gestão Ambiental

Os novos agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) estão participando, durante esta semana, do curso ...