Home / Polícia / Enterro dos policiais mortos em assalto à ônibus coletivo comove familiares e amigos

Enterro dos policiais mortos em assalto à ônibus coletivo comove familiares e amigos

Edilson Lima (2) - Agência A Tarde

O enterro dos corpos dos policiais Tayrone Carlos da Silva, 54 anos, neste domingo (21), no Cemitério Bosque da Paz, no bairro de Nova Brasília, em Salvador,  e de Agnaldo Almeida, no mesmo dia mais cedo, no Cemitério do Campo Santo, na Federação, emocionou amigos e familiares.

Tayrone e Agnaldo foram  mortos neste sábado (20), dentro de um ônibus na BR-324. Os dois policiais estavam dentro do coletivo no momento do assalto. Durante a ação, um dos bandidos reparou um volume na calça de Agnaldo e pediu que ele levantasse. O criminoso esfaqueou o policial ao avistar sua arma.

Tayrone, acompanhado da esposa, tentou defender Agnaldo, mas acabou sendo baleado por um dos assaltantes. O bandido usou o revólver de Agnaldo para disparar contra em Tayrone.

Suspeitos Um dos suspeitos da morte dos dois policiais durante um assalto a ônibus na BR-324 já teria sido identificado, de acordo com uma fonte policial. Conforme a fonte, que preferiu não se revelar, o criminoso é procurado em Amélia Rodrigues (a 89 km de Salvador), para onde teria fugido após o crime.

Fotos: Edilson Lima/Agência A Tarde


CONTEÚDO ALTERNATIVO CASO O VISITANTE NÃO TENHA O PLUGIN DE FLASH EM SEU COMPUTADOR (ESTE CONTEÚDO PODE APARECER TAMBÉM ENVOLVIDO POR UMA "DIV")


About Rafael Santana

Rafael Bonfim Santana é jornalista com experiência em diversos sites e jornais da Bahia com foco em pautas políticas regionais

Check Also

Marta Rodrigues pede ações emergenciais de combate à Covid-19 no Subúrbio

Presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara de Salvador, a vereadora Marta Rodrigues (PT) ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.