Home / Destaques / Escola do Trabalhador ultrapassa 500 mil matrículas

Escola do Trabalhador ultrapassa 500 mil matrículas

Foto: Marco Santos/USP Imagens

Com 10 meses de operação, o programa Escola do Trabalhador recebeu 548,2 mil matrículas e qualificou 81,5 mil pessoas. A plataforma de ensino à distância do governo federal oferece 24 cursos, todos com foco nas necessidades do mercado de trabalho, tudo gratuito. Segundo o Ministério do Trabalho, a Escola do Trabalhador oferece qualificação profissional principalmente para quem está desempregado e precisa do seguro-desemprego. Atualmente, 357,8 mil estudantes estão inscritos; destes, 64,33% não fazem parte do mercado formal. Os cursos são feitos pela Universidade de Brasília (UnB). A maioria dos que estão no programa são mulheres (56,3%) e 34,4% de todos os inscritos têm entre 18 e 34 anos. Com 77,5 mil inscrições, São Paulo é a unidade da federação com mais participantes. Rio de Janeiro aparece em segundo, com 32,6 mil, e Minas Gerais figura em terceiro, com 31,2 mil. Gratuitos, os cursos podem ser acessados de qualquer computador com internet pelo link. Não há exigência de escolaridade e pré-requisitos para participar.


CONTEÚDO ALTERNATIVO CASO O VISITANTE NÃO TENHA O PLUGIN DE FLASH EM SEU COMPUTADOR (ESTE CONTEÚDO PODE APARECER TAMBÉM ENVOLVIDO POR UMA "DIV")


About Mathias Jaimes

Mathias Ariel Jaimes é CEO da TV Servidor / Axé Notícias. Formado em publicidade. Estou artes plásticas na Universidade Federal da Bahia. MBA em marketing e publicidade estratégica na Uninassau

Check Also

TV. “A cidade do Salvador merecia uma obra destas na região do Comércio”, destaca Fausto Franco

“A cidade do Salvador merecia uma obra destas na região do Comércio”, destaca o Secretário ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.