Principal / Destaques / Estações geotécnicas reforçam ações da Codesal para reduzir risco em encostas

Estações geotécnicas reforçam ações da Codesal para reduzir risco em encostas

O prefeito Bruno Reis entregou, em solenidade simbólica realizada nesta terça-feira (08/06), 15 equipamentos instalados em áreas de risco da capital, que compõem o Projeto RedeGEO (Estações geotécnicas). O ato aconteceu na Escola Municipal Professora Irene da Silva Costa dos Santos, Jardim Nova Esperança, e contou com a presença do diretor geral da Defesa Civil de Salvador/Codesal, Sosthenes Macêdo, do pesquisador e geólogo do Cemaden (Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais), Daniel Metodiev, e de demais autoridades.



Os novos equipamentos, chamados de PCDs Geotécnicas (Plataformas de Coleta de Dados Geotécnicas), trazem como inovação a junção de pluviômetros e sensores de umidade do solo no mesmo console, com o objetivo de monitorar o risco de deslizamentos em encostas urbanas e aprimorar os alertas de prevenção dos impactos de risco de deslizamentos. O monitoramento de risco climático, realizado pelas estações geotécnicas, está entre as inovações tecnológicas prioritárias da gestão do prefeito Bruno Reis e que vem sendo empregadas nas políticas de redução de desastres.

Reprodução Instagram

“Este é mais um passo dado pela Prefeitura, em parceria com o Cemaden, para dotar Salvador de uma rede de monitoramento do clima capaz de antecipar eventos, emitir alertas e preservar vidas”, afirmou o prefeito.

O diretor geral da Codesal, Sosthenes Macêdo, ressalta que “as estações geoténicas vão colaborar com as atividades preventivas da Defesa Civil de Salvador, ampliando a precisão na emissão de alertas de risco de deslizamentos por meio do monitoramento da umidade de solo das encostas e antecipar as ações de mitigação dos impactos socioambientais pela Codesal”.

O RedeGeo é uma iniciativa do Cemaden e da Fundação de Ciência, Aplicações e Tecnologia Espaciais (FUNCATE), patrocinado pela Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP/MCTI), em parceria com as Defesas Civis Municipais, universidades e institutos de pesquisa regionais.

Rede de pluviômetros – A chefe do Setor de Monitoramento do Clima, Maria Conceição Souza, destaca que os 15 equipamentos da RedeGeo se somarão à rede de 54 pluviômetros já existentes em Salvador o que ampliará a qualidade dos dados meteorológicos.

Com base em análises de risco climático, a Codesal envia boletins e alertas às comunidades em áreas de risco, indicando a probabilidade e a severidade das chuvas e as mudanças de nível do Plano de Proteção e Defesa Civil (PPDC), que variam de Observação, Atenção, Alerta e Alerta Máximo.

Os 15 PCDs foram instalados nas seguintes localidades: Brotas, Engenho Velho de Brotas, Lapinha, Fazenda Grande do Retiro (Calafate) Pernambués, Pirajá, Plataforma, Novo Horizonte, Cajazeiras VII e VIII, Sete de Abril, Jardim Nova Esperança, Sete de Abril, Doron e Pau da Lima.

 

 

 



Sobre Mathias Jaimes

Mathias Ariel Jaimes ( DRT 5674 Ba ) , é CEO do site #TVServidor e sócio-proprietário da agência de comunicação interativa #TVS1 . Formado em publicidade na Argentina. Estudou artes plásticas na Universidade Federal da Bahia. MBA em marketing e comunicação estratégica na Uninassau. Aluno do professor Olavo de Carvalho, Curso Online de Filosofia, desde 2015.

Leia também!

Covid-19: Prefeitura inicia vacinação de pessoas com 49 anos ou mais e segue com mutirão da 2ª dose

A Prefeitura de Salvador, através da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), inicia a partir desta ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *