Home / Destaques / Ingressar promove inserção de estudantes no Ensino Superior

Ingressar promove inserção de estudantes no Ensino Superior

SECOM Prefeitura de Salvador

A sala repleta de alunos de um cursinho pré-vestibular localizado na Avenida ACM poderia ser como qualquer outra classe, se não fosse a presença de participantes do Ingressar. No local, cerca de 600 estudantes de baixa renda que não têm condições de pagar por uma preparação extra participam do programa, promovido pela Prefeitura de Salvador por meio da Secretaria de Política para Mulheres, Infância e Juventude (SMPJ), que busca dar oportunidade para jovens na busca pelo acesso ao ensino superior de maneira gratuita

E se o assunto é oportunidade, Valdice Fulber, a coordenadora pedagógica de uma das quatro instituições selecionadas para receber turmas do Ingressar, explica que a ação representa uma chance para muitos jovens que ainda não se deram conta ou que, desmotivados, acreditam que a aprovação do vestibular seja algo distante. “Muito relatam que não se sentiam capazes de passar em um vestibular, mas quando eles chegam no momento do pré-vestibular e têm acesso ao conteúdo através do Ingressar, eles se sentem realizados, essa é a palavra. Eles ficam empolgados e motivados na busca por essa aprovação”, frisa.

Cecília Mariana é uma das alunas do projeto, selecionada através de critérios como ser egressa da rede pública de ensino e o enquadramento na faixa etária de 15 e 29 anos. “Eu pretendo fazer biomedicina, foi uma escolha difícil porque eu inicialmente estava perdida, porém, eu gosto de uma área específica que é a estética e foi uma paixão de duas coisas em uma só”, confessa, acrescentando que, assim como a maioria dos colegas, ela não teria condições financeiras de estar em um curso como este. “Foi uma ótima escolha que eu fiz”, completa.

Já no quadro da sala, os assuntos de química se confundem com os risos causados pelas provocações do professor Fábio Oisiovici, que define a iniciativa da SMPJ como causadora de um ganho na autoestima. “A gente sempre pensa em conscientizar o aluno que através desse programa eles podem fazer uma preparação para o Enem, por exemplo, com uma equipe experiente e muito bem preparada. Então eu acredito que o impacto mais importante está na autoestima, ela se torna maior e os alunos sentem que o estado se preocupa com eles”, justifica.

Este ano o Ingressar ofertou o dobro de vagas disponíveis no ano passado. Em 2018, das 400 vagas oferecidas, 69 alunos foram aprovados em universidades públicas.


CONTEÚDO ALTERNATIVO CASO O VISITANTE NÃO TENHA O PLUGIN DE FLASH EM SEU COMPUTADOR (ESTE CONTEÚDO PODE APARECER TAMBÉM ENVOLVIDO POR UMA "DIV")


About Mathias Jaimes

Mathias Ariel Jaimes é CEO da TV Servidor / Axé Notícias. Formado em publicidade. Estou artes plásticas na Universidade Federal da Bahia. MBA em marketing e publicidade estratégica na Uninassau

Check Also

Entidades discutem execução e estratégias do programa Família Acolhedora

A operacionalização e estratégias do serviço Família Acolhedora foram discutidas e alinhadas na manhã terça-feira ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

google.com, pub-6410565665465772, DIRECT, f08c47fec0942fa0