Principal / Destaques / Intestino influencia na saúde mental: saiba como mantê-los em dia

Intestino influencia na saúde mental: saiba como mantê-los em dia

Divulgação Secretaria Municipal de Saúde

O medo de contrair a Covid-19, o excesso de informação à nossa volta, as mudanças na rotina e os desdobramentos da pandemia têm deixado as pessoas à flor da pele. Estudo realizado pela Universidade do Estado do Rio (UERJ), por exemplo, revela que casos de ansiedade e estresse mais do que dobraram neste período. Os de depressão tiveram aumento de 90%. Nesse cenário, cuidar do equilíbrio e do bem-estar emocional nunca foi tão necessário. E você sabia que existe uma relação entre o nosso intestino e as nossas emoções? Sim, esse órgão é considerado o segundo cérebro do organismo e influencia diretamente a nossa saúde emocional. Quem explica é a nutricionista Camila Sandy. De acordo com a especialista, o intestino concentra 500 milhões de neurônios e quando a microbiota presente nesse órgão entra em desequilíbrio, além de sintomas clássicos como constipação, diarreia, flatulências ou má digestão, pode causar também mau humor, problemas de insônia, sensação de cansaço e desânimo.

A baixa nas emoções tem outra explicação. É o intestino o principal responsável em nosso corpo pela produção de serotonina, neurotransmissor ligado aos estados de prazer e bem-estar. Estima-se que o órgão responda por 80 a 90% de toda a serotonina que produzimos. Mas quando sua microbiota está desregulada afeta o funcionamento e quantidade liberada dessa substância.

Para melhorar o trânsito intestinal, garantir o equilíbrio da microbiota e, consequentemente, estar com a saúde emocional em dia, manter bons hábitos alimentares, com uma dieta equilibrada, rica em frutas e verduras, e uma adequada ingestão de água são essenciais. A Organização Mundial da Saúde, por exemplo, recomenda a ingestão de 5 porções de frutas e legumes todos os dias. Além dessas alternativas naturais, a farmacêutica e sócia-fundadora da Singular Pharma, Edza Brasil, afirma que há hoje disponíveis no mercado também os fitoterápicos e soluções preparadas em farmácias de manipulação com ativos que podem colaborar com o equilíbrio da flora intestinal e o controle das nossas emoções.

Nesses casos, se inserem, por exemplo, produtos formulados com ativos como o Relora, a berbernina e o honokiol ou suplementos que combinam óleo essencial da palma rosa e a fibra do gengibre. Há ainda aqueles à base de prebióticos (fibras solúveis em água que servem de alimento para as bactérias da flora intestinal em água) e probióticos (microorganismos vivos que são benéficos para o intestino).

Confira os principais ativos que ajudam no trânsito intestinal e consequentemente no controle das emoções

Relora

Berberina

Honokiol

Óleo essencial da palma rosa

Fibra do gengibre

Biointestil (associação do óleo essencial da palma rosa e da fibra do gengibre)

Psyllium

Prebióticos e probióticos

Sobre Mathias Jaimes

Mathias Ariel Jaimes ( DRT 5674 Ba ) , é CEO do site #TVServidor e sócio-proprietário da agência de comunicação interativa #TVS1 . Formado em publicidade na Argentina. Estudou artes plásticas na Universidade Federal da Bahia. MBA em marketing e comunicação estratégica na Uninassau. Aluno do professor Olavo de Carvalho, Curso Online de Filosofia, desde 2015.

Leia também!

“Vamos fazer Salvador dar voos mais altos”, diz Bruno Reis em evento do Patriota

O candidato do Democratas à Prefeitura de Salvador, Bruno Reis, afirmou neste sábado (26) que ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *