Home / Política / Jaques Wagner prega “menos intolerância” entre PT e PSDB

Jaques Wagner prega “menos intolerância” entre PT e PSDB

Buscando aliviar a tensão entre tucanos e petistas e viabilizar um eventual acordo entre eles no segundo turno, o ex-ministro da Casa Civil, Jaques Wagner (PT), pregou ontem “menos intolerância” entre PT e PSDB e disse que, se o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) for para o segundo turno da disputa presidencial com o deputado Jair Bolsonaro (PSL), votará no tucano.

“O PT e o PSDB precisam parar de ser intolerantes um com o outro”, afirmou o petista, ao chegar ontem para a cerimônia de posse do ministro Dias Toffoli na presidência do Supremo Tribunal Federal (STF). “Eu acho que o Haddad (Fernando Haddad, candidato do PT) já está no segundo turno com Bolsonaro. Mas, se houver uma hecatombe e ele não for, vou votar no outro”, declarou.

Informações reproduzidas da Tribuna da Bahia On Line


CONTEÚDO ALTERNATIVO CASO O VISITANTE NÃO TENHA O PLUGIN DE FLASH EM SEU COMPUTADOR (ESTE CONTEÚDO PODE APARECER TAMBÉM ENVOLVIDO POR UMA "DIV")


About Rafael Santana

Rafael Bonfim Santana é jornalista com experiência em diversos sites e jornais da Bahia

Check Also

Marta Rodrigues propõe políticas públicas para a juventude negra

“As políticas públicas voltadas para a juventude negra devem ser realizadas de forma intersetorial, com ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.