Home / Destaques / Limpurb alerta para descarte irregular de entulho em caixa de lixo doméstico

Limpurb alerta para descarte irregular de entulho em caixa de lixo doméstico

coleta-de-lixo-prefeitura-de-salvador-bahia-limpurb-kaio-moraes

Um acidente de trânsito com uma carreta, na Avenida Paralela, que tombou por transportar entulho descartado irregularmente nesta terça-feira (29), deixou um alerta: caixas coletoras de lixo doméstico precisam ser utilizadas apenas para esse fim. A Limpurb esclarece que a coleta de caixas coletoras em Salvador é feita de acordo com o tipo de material descartado.

Segundo o presidente do órgão, Kaio Moraes, as coletas realizadas pela autarquia contemplam resíduos residenciais e de caixas coletoras localizadas em ruas de difícil acesso, que possuem contêineres de 20 metros cúbicos. Este material, de acordo com o gestor, é retirado de acordo com a logística. “Geralmente, são locais de difícil acesso, em que as caixas ficam posicionadas para que possam depositar o lixo domiciliar. Ao ser verificada que a caixa completou 90% da capacidade, automaticamente é acionado um caminhão específico para a coleta”, disse Moraes.

O órgão é também responsável pela coleta de resíduos domiciliares, que são descartados em contêineres de 1.2 e 2.5 metros cúbicos, recolhidos de acordo com o roteiro dos caminhões compactadores, seguindo a programação dos roteiros de coleta. O material coletado nos domicílios e nas caixas de 20 metros são levados para o Aterro Metropolitano Centro, localizado na rodovia CIA – Aeroporto.

No caso da construção civil, a caixa utilizada é de cinco metros cúbicos, que são usadas para retenção temporária de entulho e retirada com o uso de poliguindastes, próprios para o manuseio destas caixas. O recolhimento deste material é de obrigação de quem o produziu. “Fazemos um trabalho de conscientização para que o lixo domiciliar não seja colocado na caixa de entulhos e vice-versa. A Limpurb faz a verificação diariamente, através dos chefes de núcleo, com o objetivo de coibir e orientar a população sobre o descarte inadequado”, salientou Moraes. O material recolhido pelas empresas é levado para o aterro Classe A Inerte, em Águas Claras.


CONTEÚDO ALTERNATIVO CASO O VISITANTE NÃO TENHA O PLUGIN DE FLASH EM SEU COMPUTADOR (ESTE CONTEÚDO PODE APARECER TAMBÉM ENVOLVIDO POR UMA "DIV")


About Mathias Jaimes

Mathias Ariel Jaimes é CEO da TV Servidor / Axé Notícias. Formado em publicidade. Estou artes plásticas na Universidade Federal da Bahia. MBA em marketing e publicidade estratégica na Uninassau

Check Also

Kiki comemora iluminação de LED em Cajazeiras

O vereador Kiki Bispo (DEM) comemorou o início dos serviços do programa Iluminando Nosso Bairro ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.