Principal / Municípios / Salvador tem prejuízo de R$310 mil com vandalismo em iluminação de passarelas

Salvador tem prejuízo de R$310 mil com vandalismo em iluminação de passarelas

Foto: Divulgação

O vandalismo prossegue trazendo prejuízos aos cidadãos de Salvador, sendo um dos alvos da vez a iluminação em passarelas. De acordo com levantamento da Diretoria de Serviços de Iluminação Pública (DSIP), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), somente no primeiro semestre deste ano foram gastos mais de R$310 mil em reposição de materiais. Somente de cabos, foram furtados 14 mil metros – um prejuízo de R$ 230 mil aos cofres públicos.

Para tentar combater o problema, a diretoria têm registrado queixas deste problema recorrente junto à polícia. Além disso, são realizados constantemente serviços de manutenção em passarelas da capital baiana, a exemplo da ação conjunta no equipamento localizado em frente à Madeireira Brotas, na região de Pernambués, com as secretarias de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps) e de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), além da Limpurb e Guarda Municipal. Na ação, foram cortadas ligações clandestinas da rede de iluminação.

O coordenador de Manutenção e Planejamento da DSIP, Igor Moreira, salienta que o esquema de fiscalização envolve os chefes de plantão, que circulam pela cidade das 16h a 0h para identificar os defeitos e verificar se são provocados por ação de vândalos. “Quando o problema é identificado, parte-se para a ação. A intenção é buscar ao máximo prestar um serviço de qualidade e com agilidade em prol dos soteropolitanos”, completa. Para colaborar com a fiscalização, o cidadão pode denunciar os problemas através do Fala Salvador, no número telefônico 156.

Foto: Divulgação

Ações de manutenção – Além do combate ao vandalismo, são também realizadas ações de manutenção rotineira no sistema de iluminação das passarelas de Salvador. Neste momento, a ação é promovida nas passarelas da via Expressa (entrada do Beco do Sirilo e nas imediações da Retirauto e da Igreja Cristã do Brasil), Avenida Vasco da Gama (posto São Jorge), Bonocô (imediações da Revisa), Avenida Tancredo Neves (Shopping Sumaré, Casa do Comércio e Desenbahia), Avenida ACM (Teresa de Lisieux e passarela da Petrobras), Avenida Luís Viana Filho (Extra, Faculdade Jorge Amado, Imbuí, Faculdade de Tecnologia e Ciência e Hospital Sarah) e Pernambués (Shopping Bela Vista).

O diretor de Iluminação Pública, Júnior Magalhães, destaca os benefícios do serviço para a sociedade. “As ações de melhoria na iluminação contribuem para a qualidade de vida do soteropolitano, fazem com que o cidadão frequente os espaços públicos sem a distinção entre dia e noite e, ainda, colaboram com a melhoria da segurança pública”, pontua.

Informações da Secom/PMS

 

Sobre Rafael Santana

Rafael Bonfim Santana é jornalista com experiência em diversos sites e jornais da Bahia com foco em pautas políticas regionais

Leia também!

Polícia Militar captura foragido em Eunápolis

Equipes da 7ª Companhia Independente da Polícia Militar (Eunápolis) recapturaram um foragido da Justiça, na ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *