Home / Política / Vereador defende Barral e diz que greve é “político-partidária” 

Vereador defende Barral e diz que greve é “político-partidária” 

O presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Câmara de Vereadores de Salvador, Paulo Magalhães Jr (PV), criticou a greve dos professores municipais deflagrada nesta quarta-feira (11).

Para Magalhães, a paralisação é político-partidária, já que as pautas de reivindicações dos grevistas estão em negociação entre o sindicato e a secretaria de educação do município. “Não existe razão para isso. Essa greve prejudica os mais de 100 mil alunos da rede municipal. Sei da competência e do trabalho do secretário Bruno Barral. Se há negociações em curso, não tem porque haver greve”, analisou.

Fonte: Assessoria do vereador Paulo Magalhães Jr. (PV)


CONTEÚDO ALTERNATIVO CASO O VISITANTE NÃO TENHA O PLUGIN DE FLASH EM SEU COMPUTADOR (ESTE CONTEÚDO PODE APARECER TAMBÉM ENVOLVIDO POR UMA "DIV")


About Rafael Santana

Rafael Bonfim Santana é jornalista com experiência em diversos sites e jornais da Bahia

Check Also

Jair Bolsonaro apoia José Ronaldo, diz Magno Malta

O senador capixaba Magno Malta (PR) disse, ontem (17), que o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.